Miomectomia por Laparotomia

Miomectomia por Laparotomia – Vídeo #6

O Centro de Mioma iniciou uma nova fase, dando continuidade ao propósito de sempre fornecer informações confiáveis e relevantes sobre os miomas uterinos.

No vídeo de hoje o doutor Michel Zelaquett explica os tipos de miomas.

Assista:

 

 

Transcrição do Vídeo

Hoje nós vamos abordar o tema miomectomia que é o tratamento cirúrgico dos miomas uterinos que consiste na retirada dos miomas e preservação do útero.

Existem vários tipos de miomectomia: a miomectomia convencional ou laparotômica ou por laparotomia que abre o abdômen para poder efetuar retirada dos miomas e essa será o nosso tema uma hoje.

existe também a miomectomia histeroscópica, a miomectomia laparoscópica, e a miomectomia robótica. Essas são abordadas em outros vídeos.

A miomectomia é padrão ouro para pacientes que querem engravidar no prazo de até 2 anos, é o tratamento que possui é melhores resultados.

É extremamente antigo, data de mais de 100 anos, e foi se modernizando com o tempo, por isso hoje é possível  fazer um procedimento de forma extremamente moderna extremamente eficaz e com risco baixíssimo. Só para vocês terem uma ideia: estudo científico já comprovou que a quando realizado de maneira adequada a chance de você preservar o útero é de 99%. Esses estudos apontam que para atingir esses 99% é necessário:

  • Diagnóstico bem feito, pra isso a ressonância magnética que é fundamental para o planejamento cirúrgico.
  • Cirurgia realizada dentro da técnica correta, aumentando as chance de preservar o útero.
  • E uma equipe habituada a realizar esse tipo de procedimento.

Com isso é possível atingir esses valores de 99% de preservação do útero e índices baixíssimos de transfusão de sangue.

A miomectomia, ao contrário do que muita gente pensa é um procedimento seguro e a miomectomia por laparotomia foi o primeiro procedimento de retirada mioma que têm de relato na literatura.

Ela possibilita abordar miomas múltiplos, por exemplo pacientes com 30, 50, 80, 100, 120 miomas e preservar o útero, também se aplica muito bem em mulheres com miomas gigantes, em úteros acima de 2.000 centímetros cúbicos. Só pra se ter uma ideia: o útero normal 120 cm³, o útero gigante ultrapassa 1500, 2000 cm³ devido aos miomas muito grandes ou a multiplicidade desses. A miomectomia convencional também se presta a mioma gigante e também a miomas de difícil acesso por histeroscopia laparoscopia e até mesmo na cirurgia robótica, por isso sempre vai ter um espaço bastante grande dentro tratamento de miomas.

O tratamento mais realizado pela nossa equipe é a miomectomia convencional, porque muitas pacientes que nos procuram com casos bastante avançado, onde perderam o momento certo de fazer um tratamento medicamentoso, que é um tratamento menos invasivo.

Por isso sempre estaremos preparados para realizar essa cirurgia.

O objetivo da miomectomia deverá ser sempre o restabelecimento da anatomia do útero, tentar fazer com que ao término da cirurgia aquele útero se pareça com um útero que nunca foi submetido a uma cirurgia.

Geralmente nós fazemos sob com a raquianestesia, que a anestesia mais segura para esse tipo de procedimento. A perda sanguínea dificilmente ultrapassa 500ml, por isso raramente temos casos de transfusão, as pacientes ficam em torno de 48 horas no hospital, em torno de  20 e 30 dias a maioria acaba voltando às suas atividades cotidianas, dependendo da carga de trabalho.

Então é considerado um procedimento bastante seguro, onde a probabilidade preservar o útero é  99%, até mais, e a a abordagem de vários tipos de mioma, por isso ele nunca deixará de existir.

Nós estamos na constante evolução desta técnica, seja com a utilização de novos medicamento para preparar a paciente para a cirurgia; seja utilização fios e de técnicas e tipos de energia como elétrica, a energia do laser, sempre para reduzir  o risco do procedimento.

E ao contrário do que muita gente pensa também a miomectomia ela vai proporcionar um ganho muito grande a fertilidade na mulher, temos inúmeros casos, mais de 60 casos de gravidez após miomectomia laparotômica. Confirmando os estudos científicos de que o tratamento padrão ouro para paciente preservar a fertilidade e quer engravidar num prazo curto é a miomectomia, seja ela laparotômica, laparoscópica, robótica ou estereoscópica.

Estamos sempre à disposição de vocês seja pelos nossos canais com o Facebook, no site do centro de mioma, no Instagram, Twitter sempre com informações para todos vocês.

Pode confiar. e também agora no nosso canal no YouTube

Muito obrigado